TSE respondeu Forças Armadas dentro do prazo

TSE respondeu Forças Armadas dentro do prazo. Foto do prédio com vidros de cores azuis.
Corte disse ainda que não foi estabelecida data de entrega das repostas. Foto: Reprodução / TSE

Um vídeo que circula no TikTok publicado pelo usurário que se identifica como “coronel Koury, da FAB”, afirma que as Forças Armadas fizeram questionamentos ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a segurança das urnas, mas não obtiveram respostas. Segundo o TSE, não havia prazo definido e respostas ficaram prontas no dia 10 de fevereiro.

O usuário da plataforma, que se identifica como funcionário da Força Aérea e coordenador-geral do Grupo B-38, disse que o Tribunal descumpriu o prazo para entregar as repostas.

A Corte, no entanto, anunciou que não havia data definir para entregar as repostas das 80 perguntas encaminhadas. Segundo a assessoria de imprensa, as respostas ficaam prontas no dia 10 de fevereiros, mas só foram vinculadas no dia 14.

Leia mais:

1 – TSE diz que número de adolescentes aptos a votar é o menor da história

 

2 – Paulo Pimenta pede para TSE investigar Moro

 

3 – General defende TSE, urnas eletrônicas e enquadra Bolsonaro

Repostas foram entregues pelo TSE um dia após vídeo ser publicado

Apesar das respostas estarem prontas já no dia 10 de fevereiro, a publicação só aconteceu no dia 14. No dia 10, Bolsonaro chegou a dizer que as Forças Armadas tinham identificado falhas no sistema, o que é uma informação completamente falsa. A Corte disse ainda que os questionamentos estavam relacionados a dívidas sobre o funcionamento das urnas.

As perguntas e respostas dos órgãos possuem caráter sigiloso, a pedido dos próprios autores do questionamento.

Participe de nosso grupo no WhatsApp clicando neste link

Entre em nosso canal no Telegram, clique neste link