Lula: “Não podemos discutir desenvolvimento econômico sem discutir desenvolvimento ambiental”

O ex-presidente Lula – Fabrice Coffrini/AFP

Segundo o ex-presidente Lula, desenvolvimento ambiental e econômico são indissociáveis.

“A consciência ambiental cresce a cada dia na sociedade. Não é possível desassociar. O planeta é uma casa, e todo mundo que mora nela tem que estar bem”, diz o petista.

Ele argumenta é possível conciliar desenvolvimento industrial e preservação do meio ambiente.

“Não é destruindo, não é derrubando árvore, é plantando árvore. O Brasil pode construir parceria com o mundo inteiro. É possível”.

Leia:

Muita gente já entendeu que hoje você não pode discutir desenvolvimento econômico, sem discutir desenvolvimento ambiental. A consciência ambiental cresce a cada dia na sociedade. Não é possível desassociar. O planeta é uma casa, e todo mundo que mora nela tem que estar bem.

E não adianta os ricos quererem alugar foguete e subirem pro céu pra tentar evitar de viver aqui na terra. Não, nós temos que construir um planeta saudável. É possível compatibilizar o crescimento agrícola com a questão ambiental.

É possível pensar em desenvolvimento industrial preservando o meio ambiente. O que nós precisamos ter em mente é que é preciso preservar os ecossistemas de cada país no mundo. Dá pra tirar proveito da riqueza da biodiversidade gerando lucro pra sociedade.

As riquezas da biodiversidade da Amazônia, embora seja um território soberano brasileiro, são repartidas com o planeta terra. Por isso quando eu era presidente criei o fundo de preservação com Noruega e Alemanha.

Não é destruindo, não é derrubando árvore, é plantando árvore. O Brasil pode construir parceria com o mundo inteiro. É possível.